Curso de Hebraico Moderno ou Bíblico?


Curso de Hebraico Moderno ou Bíblico?

Várias pessoas desejam aprender hebraico para ler a Bíblia, enquanto outras querem falar hebraico, ler jornal ou literatura, ouvir música israelense ou conseguir se comunicar em um passeio em Israel, seja por conta própria ou em uma excursão. A primeira pergunta para quem deseja fazer um curso de hebraico é: “Devo aprender Hebraico Moderno ou Hebraico Bíblico?” Nesta quesão está incluída a questão do investimento financeiro e de tempo de dedicação ao curso de hebraico. Evidentemente a resposta desta pergunta varia de pessoa para pessoa conforme os seus objetivos, o curso de hebraico não pode ser o mesmo para quem decidiu morar em Israel ou fazer um mestrado em uma Universidade em Israel e para quem não tem planos para viajar a Israel e deseja simplesmente poder ler a Bíblia em sua língua.

Foto de Jerusalém na neve para o curso de hebraico online

curso de hebraico em jerusalem

Quem estuda Hebraico Moderno entende o Hebraico Bíblico?

O Hebraico Moderno e o Hebraico Bíblico não são muito diferentes, alguns tempos verbais e um pouco de vocabulário podem ser indicados como coisas que marcam uma diferença, entretanto o fato é que os israelenses que falam o hebraico moderno conseguem ler a Bíblia sem dificuldade.

Um curso de Hebraico que leve em consideração o desenvolvimento da leitura está preparando o aluno tanto para ler textos de Hebraico Moderno quanto de Hebraico Bíblico. Além disso qualquer forma de familiarização com a língua hebraica seja atravéz de músicas, jornais ou até mesmo de ouvir as notícias em um canal israelense ajudam o aluno a sentir-se em casa com o hebraico.

Além disso vale a pena escolher um curso de hebraico que o material didático e as aulas sejam em português, pois mesmo para quem conhece bem o Espanhol ou o Inglês, não é a mesma coisa do que aprender hebraico em português.

Portanto um curso de Hebraico adaptado ao aluno permite que ele domine tanto o Hebraico moderno quanto o Hebraico Bíblico.

Bookmark the permalink.

Leave a Reply